20.7.11

...Dia do Amigo...

Preciso confessar: eu Sou uma compulsiva!
Gente, isso é sério, não riam de mim, mas eu, tenho alguns melhores amigos que sinceramente, não saberia elencar aqui quem é o mais amado, o mais paciente, o mais engraçado, o mais fiel, o mais solícito, o mais conselheiro, o mais bom ouvinte, o mais simples, o mais generoso...é como se cada uma de mim tivesse o seu amigo particular!
E então, não só porque hoje que se comemora o dia do amigo, quem é meu amigo sabe que digo sempre...nesse meu jeito meio tosco...mas hoje e dia de festa, dia de roupa de gala, perfume diferente, maquiagem mais apurada...então lá vai:
AMO VOCE!

9 comentários:

Evaldo disse...

Olá, V. Cruz!
Vim aqui porque estou feliz!!!
Um abraço, amiga.

Catia Bosso disse...

Feliz dia do amigo!

bjs


Catita

Selma Jacob disse...

Lindinha amiga, um dia feliz pra ti. Beijocas

Ma Ferreira disse...

Querida..obrigada por estar presente viu?
Vim te dar um beijinho..e desejar um feliz dia do amigo.
Bj
Ma

Meias de Seda (Suzy) disse...

Oi, querida!
Passando com atraso, mas a amizade que te ofereço é para todos os dias do ano (desse e dos que ainda virão)!
Obrigada pelo seu carinho!
Grande beijo ;)

lilian reinhardt disse...

Obrigada querida poetisa pelo carinho de sua visita. Agradecendo suas sensíveis palavras,
conhecendo o seu lindo espaço,
abraço grande!

V.Cruz disse...

Queridos!
Obrigada pelo carinho de sempre! Amigo é assim,a qualquer dia, a qualquer hora!
Evando, fico feliz que esteja feliz!Assim, muitiplicamos felicidade, mas se acaso um dia ficar triste, divida-a comigo, assim, fica mais leve...
Katita, menina quase baiana. felicidades a ti!
Su, amiga de sempre, me le em frente e verso, me desenha em reticencias...adorooo
Má...adoro seu blog, ceramica já foi também minha "cachaça", pretendo retornar...obrigada pelo carinho!
Suzy,é isso né...amigo é assim...aquele que abre sua geladeira e deita na sua cama...obrigada pelo carinho!
Lilian, seja muito bem vinda!

Gente, ando na correria...sem tempo para meus rabiscos...já estou travando amizade como rei, quem sabe em breve não nos encontramos em Passárgada?
Bjss a todos, dengos e mimos, sempre!

www.palavrasdepoeta.blogspot.com disse...

vim pra deixar o meu abração caRIOca, e parabenizá-la pelo belo blog...
zésilveira

Fanzine Episódio Cultural disse...

Revelo-me ao Pânico

Catapultado me sinto,
Adverso ao perigo
E à misericórdia dos deuses.

Legado ao isolamento me encontro
Ostentando minha ansiedade faminta
Silenciosa e vingativa
... Enlouqueço.

Rindo feito um parvo
Meu juízo me expulsa.
Bebo na fonte da insanidade
Enfraquecendo meus neurônios livres.

Revelo-me ao pânico
Correndo em todas as direções
Em busca do caos
Ora organizado, ora sem nexo.

Caminho perdido,
Redescobrindo um mundo novo,
Um lugar incerto, inconsciente,
Onde o tempo não se faz presente.

Cá estou eu entre quatro paredes,
Refugiando-me na minha própria loucura,
Ora submetido em uma camisa-de-força,
Ora entre depósitos nauseabundos.

*(Agamenon Troyan)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

...Sobre Imagens...

Informo que algumas imagens utilizadas aqui, não são da minha autoria, tendo sido em sua maioria, provenientes do google imagens. Ficando assim, à disposição dos seus respectivos autores, solicitarem a retirada a qualquer momento.

Fiéis escudeiros! Fàilte!