14.7.11

...Ausencia...

Picasso


Agora descanso o corpo alquebrado
As veias ainda se contorcem num pulsar que alucina
É das pausas que extraio o suspiro que de verdade me sustenta
Nunca imaginei que o que faz mal é aquilo que mais me fez bem
Adormeço cansada nessa tentativa insone de me sabotar
E é lá do alto que percebo
O que preciso mesmo...
É de solidão!

5 comentários:

Selma Jacob disse...

No corpo alguebrado por qualquer circustancia, ele se agiganta para renascer. A solidão é necessária para esse renascimento.
Beijocas

Evaldo disse...

Olá V.Cruz. Solidão é bom quando a gente fecha a porta do quarto e sabe que lá fora tem muita gente que nos espera. Que ele seja momentânea. rs
Abs.

branca???? disse...

"É a solidão que inspira os poetas, cria os artistas e anima o gênio."
bjocas

A.S. disse...

A solidão por vezes é esmagadora! Não dispenses o amor querida!


Beijos!
AL

V.Cruz disse...

Queridos,
Obrigada pelos comentários...
Da ausencia a presença...deixo traços de mim...marcas do que fui...desenhos do que pretendo ser...a solidão? Ah...essa sou Eu, preenchida de mim, vazia de "nós"...desfiando em desafios...apenas, mais um fio...esperança talvez...
Bjssssssss

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

...Sobre Imagens...

Informo que algumas imagens utilizadas aqui, não são da minha autoria, tendo sido em sua maioria, provenientes do google imagens. Ficando assim, à disposição dos seus respectivos autores, solicitarem a retirada a qualquer momento.

Fiéis escudeiros! Fàilte!